“ (...) a associação sindical constituída pelos trabalhadores nele filiados, que exercem a sua actividade profissional exclusivamente correlacionada com o sector da aviação civil,
aeródromos, aeroportos e navegação aérea”. “ (...) exerce a sua actividade em todo o território nacional”.
dos Estatutos do SITAVA

SITAVA

Sindicato dos Trabalhadores da Aviação e Aeroportos

 

1 2 345678

image

image

image

image

image

image

image

image

<< >> Play > Stop

Não ao Retrocesso Social

Boletim Igualdade

Indústria em Portugal

Não ao Roubo dos Feriados!

 

O próximo dia 30 de Maio seria feriado - Corpo de Deus. Um feriado em que o actual governo obriga os trabalhadores a não terem o seu descanso ou os que por razões operacionais teriam de trabalhar mas compensados são agora submetidos a trabalho forçado e não pago. Querem que o valor do nosso trabalho vá para o bolso dos accionistas.

Ler mais...

 

 
Todos a Belém, 25 de Maio – 15h30

Todos os dias são feitos novos ataques do Governo direccionados ao povoPortuguês. Ataques aos trabalhadores, aos pensionistas, aos jovens e aos reformados.

Fazendo tábua rasa da Constituição, ordenam-se aumentos de impostos desiguais e insustentáveis, despedem-se milhares de trabalhadores na função pública, desmantela-se a Segurança Social, em nome de um sacrifício que se diz comum e que trará a retoma do País. Não se conhece nenhuma iniciativa do Governo que se proponha acabar com o desemprego ou apostar no crescimento económico.

Ler mais...

 
OCDE Apresenta Relatório para Flagelar, Ainda Mais, o País!

Mais uma vez o Governo recorre a uma instituição internacional, de bem conhecida ideologia neoliberal, para procurar justificar o injustificável: a continuação da devastação de direitos, liberdades e garantias laborais e sociais, traduzida na redução de salários, aumento de horários de trabalho, destruição da contratação colectiva e enfraquecimento da protecção social.

Todas as suas recomendações apontam para o aprofundamento das políticas de austeridade responsáveis pela recessão económica, aumento desmesurado do desemprego, empobrecimento dos trabalhadores e da população em geral, ataque sem precedentes às funções sociais do Estado e, consequentemente, à sobrevivência da própria democracia.

Ler mais...

 
Na Defesa dos Trabalhadores do Sector da Aviação Civil em Portugal

Empossada a Direcção para o mandato 2013/2017, o SITAVA está a poucos dias de completar 33 anos. Foram anos de luta incessante na defesa das empresas, dos postos de trabalho e dos direitos dos trabalhadores do sector da Aviação Civil em Portugal, tanto no continente como nas regiões autónomas dos Açores e da Madeira. Por todo este passado e pelo futuro de luta que temos pela frente neste mandato, a Direcção agora eleita envia a todos os trabalhadores e, em particular, aos associados do SITAVA uma calorosa e fraternal saudação.

Em 1980, aquando da formação do SITAVA, existiam cerca de 45 sindicatos no nosso sector de actividade. Dez anos depois, em 1990, não existiam mais de 35, e hoje, mesmo contando aqueles com um reduzido número de associados, em pouco ultrapassarão a dezena.

Ler mais...

 
Segurança Social Pública, Universal e Solidária. Conquista de Abril a Defender e a Reforçar

Ao assinalarmos o 8 de Maio, Dia Mundial da Segurança Social, importa reafirmar que em Portugal, o Sistema Público de Segurança Social, é uma conquista da Revolução de Abril, que se traduziu na melhoria das condições de vida dos trabalhadores e das suas famílias.

O Programa do I Governo Provisório saído da Revolução viria a determinar para a política social – a substituição progressiva dos sistemas de previdência e assistência, por um sistema integrado de Segurança Social. São desse período a criação da “pensão social” (1974), o “subsídio de Natal” para os pensionistas (1974), o subsídio de desemprego (1975), o “suplemento de grande invalidez” (1975),“o complemento por cônjuge a cargo” (1975), da “maternidade” (1976), o “regime dos independentes” (1977), do abono de família, prestações complementares (1977), e várias medidas de melhoria para os “trabalhadores do serviço doméstico” (1978), entre outros. Por sua vez, o regime não contributivo viria a ser criado em1980.

 
<< Início < Anterior 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70 Seguinte > Final >>

Página 66 de 77

Instante Sindical

Segurança e Saúde no Trabalho

Sítio dos Direitos

Guia de Direitos